Página 1 de 366

Sabe de uma coisa, toda vez que olho para trás sempre penso no que podia ter feito e não fiz, no que podia ter sido diferente se tivesse tomado outra decisão, parece pesado pra alguém tão novo ter tantas coisas pelas quais queria mudar, mas eu tenho, tanto que eu achava que conseguiria fazer e o tempo simplesmente passou, por mais que tenha mudado, vido e vivido muitas coisas, ainda parece que passei uma parte do tempo em pause e todo o resto seguiu.
Não que eu me arrependa do que eu fiz, realmente só me arrependo daquilo que deixei de fazer e muitas vezes por medo, medo do que os outros iam pensar, medo de não conseguir, medo de decepcionar, de me perder no caminho.  Tantos sonhos para tantos medos, a menina que se definia como uma sonhadora às vezes se sentia derrotada pelos medos, pelas desilusões. Eu sei, todo mundo sabe, que nada nessa vida é fácil, mas se entregar, desistir de lutar por aquilo que acredita é perder para si mesmo e quem diria, a gente pode ser nosso maior adversário.

IMG_20160101_232120

Por isso, essa magia de renovação que o ano novo parece trazer para o coração de cada um me fez parar esses dias e pensar, repensar, pensar de novo. 2015 me ensinou tantas coisas, me fez por o pé no chão, vivi 20 anos no mundo da lua e tô a fim de começar a realizar pelos menos um pouco do que passei tanto tempo sonhando.

A mudança começa por si mesmo, não espere ser ano novo, para ser algo novo, não espere passar o tempo, faça acontecer hoje, seja feliz hoje, faça alguém feliz e não seja espectador da sua própria vida, suba no palco, dance aquela música, mesmo que de forma ridícula, cante aquela letra que o deixa feliz, não me importo se você estiver fora do tom, se errar a letra, vou bater palmas pela sua coragem pois um dia já fui aquela que quis estar lá, que deveria não ter deixado as oportunidades passarem, que precisou de um pouco dessa coragem insana, dessa “falta de vergonha” e continuou apenas assistindo. Um dia eu fui platéia da minha própria história, mas tô aprendendo a lição, nada muda se você não mudar. Ou você se conforma ou levanta e vai fazer a diferença, mas que seja principalmente por você. Faça o bem e coisas boas retornarão.
Não é texto de autoajuda, é só desabafo da madrugada, sempre usei esse tempo pra sonhar, hoje foi para pensar e se tiver algo de bom que você queira levar para sua vida, para seu 2016, é que o amor é o que tem de mais importante para doar ao mundo, mas doe um pouco a si mesmo, amor próprio também importante e não deixe a vida passar por você, aproveite-a!

E, antes que acabe a primeira página desse novo livro que começaremos todos juntos a escrever, nós do Blog At All, gostaríamos de desejar a todos um FELIZ ANO NOVO! P.s. serão 366 páginas, esse ano é bissexto!

Anúncios

A menina que pedia vidas extras

Em 12 de abril de 2012 (segundo a Wikipédia rs) foi lançando um jogo que dois anos mais tarde se tornaria um dos meus vícios (além de séries, filmes, amores platônicos, chocolate, coxinha e leite condensado, que a propósito, são coisas que vão bem com tudo). De fato, o jogo é o tão famoso Candy Crush Saga.

candy ss

Meu amigo diz que o jogo já perdeu a graça, mas eu continuo viciada (e quando eu digo viciada quero dizer que fico olhando para o cronômetro esperando o tempo passar quando acabam as vidas). Atualmente me encontro encalhada no nível 305 e indignada com esse povo que não satisfeito com o estrago que um Candy Crush faz pra pessoa inventaram outro, o Candy Crush Soda, que eu também baixei e estou jogando (nível 169).

candy_crush_iphone_5s_hero

Diário de um viciado: já tentei me desfazer do vicio, tentei a reabilitação forçada quando o jogo travou e não queria mais abrir (mas eu reinstalei e ficou tudo bem :D), tentei odiar o jogo, mas foi em vão. Hoje eu sou uma pessoa dependente, que excluiu aplicativos do banco de dados para ter espaço para baixar a outra versão do Candy, que em 99% das vezes demora em responder alguém no WhatsApp por estar no meio de uma partida e que espera muito que você, leitor, se solidarize com a situação e me envie uma vida extra.

Obrigada!

Ever After Once Upon a Time (Lana no Brasil ‘0’)


Você com certeza deve assistir alguma série (ou váaaarias, como eu) e sempre tem aquela favorita que te faz esperar cada segundo até o episódio novo, ficar aflita durante o hiatus, torcer pelos shippers mais malucos e ser capaz de jogar um sapato na cabeça de quem falar mal da sua série (risos). A minha é OUAT – Once Upon a Time.

Todos Oncers esse fim de semana (27/28) estão super animados com a “Ever After” acontecendo no Rio de Janeiro (ou com uma pontinha de inveja daqueles sortudos que estão lá). A convenção conta com a participação de atores da série que vão responder perguntas do fãs e realizar demais atividades, entre eles a Lana Parrilha, sim senhores, a diva que dá vida a Evil Queen está no Brasil esbanjando toda sua simpatia. Pelo twitter ela vem demostrando que está muito feliz com sua vinda ao País durante esse fim de semana. Aos meros mortais que não podem estar lá resta continuar curtindo e babando pela internet mesmo.  😥

Mais informações no twitter da Lana, ou em outros sites: caprichoPure Peoplefanpage no face…

10731132_814312388638590_2304533756979266905_nSem títuloonce-upon-a-time-coletiva01

Imagens retiradas da internet.